Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

ÁGUIA POETA

A ÁGUIA É LIVRE E LIVRE VOA NO CÉU DA CATEDRAL

ÁGUIA POETA

A ÁGUIA É LIVRE E LIVRE VOA NO CÉU DA CATEDRAL

25 - MANTORRAS

25.03.17, aguiapoeta

 

  

 

MANTORRAS

 

Era o enorme herói da bancada

Do Estádio de bom pedaço

Os adeptos vibraram com a bela jogada

Do seu menino de finta de melaço

 

Jogava ao sol ou à chuva, dançando

Correndo pelo precioso relvado

O amigo sol ía banhando

Seu esplendor de talento elevado

 

Mantorras, acariciava tantos corações

Dos adeptos do seu clube campeão

Oferecia momentos valiosos de emoções

Com belos golos p'ra Lusa Nação

 

Este filho de talento predestinado

É Atleta de vaivém bem lançado

E vê-lo bem jogar foi destino traçado

Dos Benfiquistas do berrante sagrado

 

E quando Mantorras dribla e avança

A alegria paira sobre a Luz

Um sorriso na multidão balança

P´la bela valsa que o menino traduz

 

Muito bom de bola, Mantorras, é

E as estrelas sorriem do seu bailado

Ele finta, finta brincando na fé

Do golo brilhantemente marcado

 

O Benfica ama o seu menino

Que é o prazer dum povo Juiz

Ele, o engrandecia num passe felino

P´ra glória do seu mundo feliz

 

25 - Fernando Ramos

 

1 comentário

Comentar post